O que é e qual a importância da APR?

Compartilhe:

Uma das principais causas de morte no Brasil são por acidentes de trabalho. Nenhum empregador ou empregado, gostaria de envolver-se em algum acidente ou doença que comprometa o desenvolvimento de atividades. Por isso, uma opção que mostra resultados eficazes na diminuição de doenças e acidentes no ambiente de trabalho é a Análise Preliminar de Riscos (APR), documento com caráter obrigatório, que proporciona a análise correta dos riscos envolvidos no desempenho do trabalho.

É uma investigação realizada previamente ao desenvolvimento das atividade, que descreve detalhadamente os eventuais problemas que a tarefa pode trazer, efetuando-as, assim como os possíveis riscos envolvidos na realização da atividade.

A APR também apresenta as formas de controle e eliminação dos riscos. Nessa análise, os trabalhadores têm conhecimentos dos riscos que podem enfrentar na realização das tarefas, enquanto trabalham, e as corretas medidas a serem tomadas no caso de enfrentar uma ocasião que envolva os riscos previstos.

A APR pode ser desenvolvida por qualquer profissional, com conhecimento comprovado na área de Segurança do Trabalho, e deve ser assinada por todos os colaboradores envolvidos na atividade analisada. Ela deve ser elaborada e apresentada aos trabalhadores, como forma de cheklist, por exemplo, e ser refeita em um determinado período, estabelecido pela empresa.

Para que os trabalhadores tornem isso uma medida rotineira, é necessário que, antes de realizar qualquer atividade, os funcionários se reúnam com o responsável pela análise (Técnico de Segurança do Trabalho ou responsável por essa parte – CIPA) e chequem todos os requisitos necessários para a realização da tarefa com segurança a todos. Essa é uma responsabilidade tanto  os profissionais envolvidos quanto da empresa, que presta esse tipo de serviço.

A APR deve planejar como a atividade deve ser executada, como por exemplo, o tempo que a rede elétrica deve ficar desenergizada, no caso de trabalhos envolvendo a rede elétrica.

Todos os serviços que envolvam riscos devem ser planejados posterior ao desenvolvimento de uma Análise Preliminar de Riscos, descrevendo todas as partes da atividade como um todo. Isso devem ser explicitado, de maneira entendível, a todos os funcionários envolvidos. Não apenas os que desenvolvem a tarefa diretamente, mas também os colaboradores que participam da atividade de maneira indireta.

O documento não é de difícil elaboração. Basta apresentar todas as etapas a serem desenvolvidas na tarefa, os riscos que possam surgir e as medidas cabíveis a serem adotadas. Para salvar vidas, é importante planejar uma ferramenta bem composta.

Os profissionais que realizam os cursos de NR05 – CIPA e/ou NR10 da Top Elétrica estarão qualificados de maneira eficaz, de modo que as tarefas desenvolvidas por seus colegas na empresa apresentem o mínimo de riscos possíveis, e que esses sejam facilmente evitados ou controlados.



Valores especiais para empresas.


Conheça nossos Cursos

CLIQUE AQUI

Entre em contato conosco pelo chat, pelo telefone (0800 606 5963) ou WhattsApp (41 9 9585 3034).

Nosso e-mail para contato é o topeletrica@topeletrica.com.br

SEGURANÇA EM PRIMEIRO LUGAR


#topeletrica

#apr

#nr05

#nr10

#nr35


BIBLIOGRAFIA

‘ https://www.blogsegurancadotrabalho.com.br/2019/04/importancia-analise-preliminar-risco-apr.html

‘ https://blog.videnci.com/qual-a-importancia-da-apr-para-a-sua-equipe/

‘ http://www.adolphoeletricista.com.br/analise-preliminar-de-risco-apr/

Compartilhe: